BLOG

A eficiência do marketing boca a boca.

O Marketing Boca a Boca, apesar de ser uma prática muito antiga, cada vez mais é a estratégia mais eficiente para conquistar clientes.


Não sou só eu que falo isso, quer ver?


“Pessoas influenciam pessoas. Nada influencia mais do que a recomendação de um amigo.” – Mark Zuckerberg, CEO do Facebook.


"Os melhores influenciadores de uma marca são os próprios clientes."- Alfredo Soares, Sócio da Vtex.


"Uma marca não é mais o que ela diz que é para os consumidores. É o que eles dizem uns aos outros que ela é." - Scott Cook, Fundador da Intuit.


A toda hora e em todo lugar, pessoas indicam produtos e serviços umas as outras.

Vai dizer que você nunca comprou algo influenciado por outra pessoa?


Para demonstrar o poder da recomendação como gerador de vendas, separei uma enxurrada de dados que compartilho abaixo:


• 92% dos consumidores ao redor do mundo afirmam que confiam totalmente na indicação de um amigo ou familiar, acima de qualquer outra forma de propaganda

(Fonte: Nielsen)


• 43% das pessoas se sentem mais à vontade para comprar um produto quando o descobrem nas redes sociais.

(Fonte: Nielsen)


• 68% dos consumidores confiam em recomendações e avaliações online.

(Fonte: Nielsen)


• Avaliações online são a terceira maior fonte de confiança na hora de comprar.

(Fonte: Nielsen)


• 30% dos consumidores dos Estados Unidos confiam na recomendação de familiares e amigos ao pesquisar medicamentos.

(Fonte: Orc International)


• 77% dos consumidores se sentem impulsionados a comprar um novo produto quando os descobrem através da recomendação boca a boca.

(Fonte: Nielsen)


• 84% dos consumidores afirmam que confiam parcial ou totalmente em qualquer recomendação de algum membro da família.

(Fonte: Nielsen)


• 84% dos consumidores acreditam que a indicação e recomendação de amigos e familiares é a melhor e mais confiável fonte de informações quando se trata de um produto ou serviço.

(Fonte: Nielsen)


• 56% de todos os consumidores do mundo aprendem sobre novos produtos através de recomendações de familiares e amigos.

(Fonte: Nielsen)


• 58% dos consumidores compartilham experiências boas que têm, além de pedir a opinião de amigos e familiares quando estão falando sobre marcas nas redes sociais.

(Fonte: SDL)


• Conselho de amigos e familiares representa 77% na escala de persuasão quando se trata de informação sobre novos produtos.

(Fonte: Nielsen)


• 30% de todos os consumidores descobrem a existência de alguns produtos através das redes sociais de amigos. (Fonte: Gladson)


• 62% dos consumidores na Europa afirmam que assistem a trailers de filmes se, mesmo sem gostarem, seus amigos Curtirem no Facebook.

(Fonte: European Commission)


• 14% dos mesmos entrevistados europeus afirmaram que usaram o smartphone para falar com amigos ou familiares enquanto estavam no ponto de vendas escolhendo o produto.

(Fonte: ComScore)


• 40% dos cineastas valorizam recomendações postadas por amigos ou familiares em mídias sociais.

(Fonte: Nielsen)


• 21% das vendas de livros se originam das recomendações boca a boca.

(Fonte: Nielsen)


• De 20% a 50% das compras são o resultado de uma recomendação de boca a boca.

(Fonte: AdAge)


• 74% de todos os consumidores percebem que o boca a boca é o influenciador chave na decisão de compra. (Fonte: AdWeek)


• Marcas que conseguem gerar mais intensidade emocional recebem 3 vezes mais recomendações do que as marcas que se conectam menos com seus clientes.

(Fonte: Keller Fay)


• O discurso do próprio consumidor, induzido pelo marketing boca a boca, gera mais de 2x as vendas de publicidade paga.

(Fonte: McKinsey)


• Consumidores que são recomendados por outros consumidores costumam ter 37% a mais de retenção com a marca.

(Fonte: Deloitte)


• Um consumidor que vem através da indicação boca a boca possui um Life Time Value (LTV ou tempo de vida com seu produto) de 16% a 25% maior.

(Fonte: Wharton School of Business)


• O Marketing de Indicação Boca a Boca é a principal ferramenta de marketing usada por pequenos negócios.

(Fonte: eMarket)


• Consumidores que chegam através da recomendação boca a boca de algum amigo costumam ser mais leais à marca do que os consumidores que chegam advindos de métodos tradicionais de Marketing.

(Fonte: Associação Americana de Marketing)


• 39% dos entrevistados afirmam que preferem incentivos financeiros para recomendar produtos e serviços, do que recompensas tradicionais.

(Fonte: B2B Marketing Mentor)


• 72% dos profissionais de Marketing e Vendas não entendem o valor do Marketing Boca a Boca e nem potencializam essa ferramenta de vendas.

(Fonte: Loyalty360)


• Mais de 50% dos entrevistados estão mais propensos a recomendar um produto ou serviço se receberem um incentivo ou benefício no programa de indicações.

(Fonte: B2B Marketing Mentor)


• As recompensas são importantes para aumentar a probabilidade de indicação boca a boca em encontros casuais entre os consumidores.

(Fonte: Associação Americana de Marketing)


• Em 2018, os os influencers movimentaram US$ 4 bilhões no mundo, por meio do Marketing de Recomendação ou o tradicional boca a boca.

(Fonte: Novarejo)


• Clientes referenciados são melhores do que não referenciados. Isso porque, eles têm:

- LTV (Lifetime Value) 25% maior

- 20% mais AOV (Average Order Value), ou seja, a média de total gasto, a cada ano

- 15 pontos a mais no NPS

- 18% menos chances de churn

- 25% mais lucratividade

- de 4 a 5 vezes mais chances de indicarem outros novos clientes

(Fonte: Extole)


E aí, o que achou dos dados acima? Curtiu?

Você sabia que o People Commerce pode ajudar sua empresa

a potencializar o boca a boca?